Destaques

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Autoestima da Criança

Como trabalhar a autoestima na criança


A autoestima é formada ainda na infância, se a criança for sempre oprimida em relação a suas atitudes terá baixa autoestima e se a criança for sempre apoiada em relação à suas atitudes terá autoestima elevada.

A baixa autoestima é o sentimento que se manifesta em pessoas inseguras, criticadas, indecisas, depressivas e que buscam sempre agradar outras pessoas. A autoestima elevada, em contrapartida, é a condição vivida por pessoas que são elogiadas, apoiadas, autoconfiantes, que têm amor-próprio, não vivem em conflito e não são ansiosas e inseguras.

Para a contribuição da formação da autoestima é importante que essa seja positiva. Contribua com incentivos que levam a criança a se conhecer, a se gostar, a perceber suas qualidades e a acreditar que é amada e respeitada.
Não significa que você precise elogiar o tempo todo o seu filho, elogiar em demasia pode deixar a criança insegura, com medo de tentar e decepcionar os pais. Você precisa elogiar o esforço, a dedicação, para que a criança cresça e entenda que nada vem fácil, que ela precisa lutar e se esforçar para conseguir.

Uma pessoa com auto estima é segura, não se compara com os outros, nem quer competir com ninguém, não sente inveja, pelo contrário, é feliz com o que tem e corre atrás dos seus sonhos.

Precisamos ensinar nossos filhos a se amarem como são, a se aceitarem, a serem eles mesmo! Afinal, cada um é único e especial.

Beijos, Natália

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, deixe aqui seu Comentário!! Beijosss